4.10.12

curativos urbanos


Grupo 'cura' calçadas 'machucadas' na região da av. Paulista

Numa noite de agosto, buracos nas calçadas da avenida Paulista e das ruas Augusta e Peixoto Gomide (centro de São Paulo) receberam 40 curativos gigantes vermelhos. Eram parecidos aos usados normalmente em machucados, mas de tamanhos proporcionais às irregularidades no chão que pretendiam "curar".O ato faz parte de uma pequena intervenção, que recebe o nome de "Curativos Urbanos" e é promovida por um grupo de amigos --cinco deles moradores da cidade e uma sexta pessoa do Rio de Janeiro.Duas arquitetas, uma jornalista, uma profissional de relações públicas, uma publicitária e um designer, todos eles com gosto particular pela discussão dos problemas das metrópoles que habitam. Ainda que o escopo do grupo, segundo a publicitária gaúcha Jennifer Heemann, 28, seja analisar a cidade com foco em problemas de grande magnitude --como poluição, transporte público e uso dos espaços públicos--, o coletivo não ignora as possibilidades abertas por gestos menores e mais baratos.Com pouco mais de R$ 120, gastos em plástico EVA, fita adesiva e cola do tipo super-bonder, os amigos confeccionaram curativos de três medidas diferentes (60 cm x 30 cm, 40 cm x 20 cm e 30 cm x 15 cm). Jennifer diz que, ao aplicá-los junto aos buracos e às rachaduras, o objetivo é chamar a atenção para as dificuldades de locomoção na cidade e, mais do que isso, incluir os próprios pedestres no problema e em sua discussão.
"É uma grande brincadeira com o intuito de levar um pouco de crítica ao dia a dia dos moradores de São Paulo. A cidade é cheia de problemas que são ignorados como se não fossem da importância de ninguém. Queremos que as pessoas também se sintam responsáveis por onde vivem", ela explica.
A primeira região a passar pelo "tratamento" foi a da Paulista e arredores. Como o local é varrido frequentemente pelos serviços de limpeza, a intervenção resistiu apenas dois dias, mas foi fotografada e filmada pelo grupo. Os resultados dessa e de novas ações --já sendo planejadas para São Paulo, Rio de Janeiro e Porto Alegre--, serão publicados na página do grupo no https://www.facebook.com/curativosurbanos?ref=ts

TRAJANO PONTES
COLABORAÇÃO PARA FOLHA

Nenhum comentário:

Postar um comentário