4.4.12

Johannes Vermeer

A Leiteira, de Johannes Vermeer

O tema retratado na pintura é uma jovem robusta executando, com toda a atenção, a tarefa de despejar o leite de uma jarra em uma vasilha sobre a mesa, em um austero interior do século XVII.

A concentração da moça contribui para a impressão de quietude que a cena passa. O sugerido pelo pintor é que o único ruído é proveniente do leite caindo de um recipiente em outro. O ambiente é profundamente íntimo e o tempo nele parece imóvel.

O artista era considerado um mestre na observação do cotidiano, e conhecido por ser atento aos mínimos detalhes de uma cena. Isso é evidenciado na obra pelo prego na parede. O tratamento de luz e sombra também revela a grande perícia de Vermeer: a luz que cai sobre a leiteira destaca seus antebraços pálidos e dirige o olhar do leitor para o leite que escorre.

Embora A Leiteira não seja um retrato, o observador tem a certeza absoluta de que a cena foi criada a partir da observação direta. Isso é reforçado com as feições cuidadosamente retratadas da moça, que pertencem, na realidade, a uma pessoa real - Tanneke Everpoel, empregada da família de Vermeer.


4 detalhes de A Leiteira se destacam:

1. A luz:

A janela é a única fonte de luz do cômodo. O vidro quebrado mostra a preocupação do artista com os detalhes; a iluminação que entra pela abertura é prova de sua sutileza no trato da luz. A luminosidade proveniente da janela realça o recipiente de latão sobre a parede sombreada.


2. Azulejos de Delft:

Vermeer nasceu em Delft, cidade famosa pela sua cerâmica. No canto baixo da parede um dos azulejos mostra Cupido, deus do amor, que simbolizava a lascívia feminina, assim como o escalda-pés. Sua inclusão na obra pretende enfatizar a sobriedade do tema retratado.


3. O pão:

Vista de longe, a codea de pão na cesta sobre a mesa aparece de forma convincente e realista, ao passo que, se observada de perto, é possível ver claramente que ela foi feita com incontáveis salpicos de tinta.


4. A superfície da mesa:

A leiteira é vista de baixo enquanto a superfície da mesa foi pintada em um ponto de vista ligeiramente elevado, além de estar inclinada para a frente, de maneira que propicia ao observador a visão clara dos objetos à mostra. A sutil discrepância de perspectivas permite que Vermeer controle o tema e a visão do público.

Ficha Técnica - A Leiteira:


Autor: Johannes Vermeer
Onde ver: Rijksmuseum, Amsterdã, Holanda
Ano: 1658
Técnica: Óleo sobre tela
Tamanho: 45,5cm x 41cm
Movimento: Idade de Ouro Holandesa

Nenhum comentário:

Postar um comentário